Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Vilipêndio

Deixai o mundo correr

 

Passion and Reason by Henryk H Photography

 

Nós só queremos tempo para poder fechar os olhos

e respirar um respirar puro,

absoluto.

 

Precisamos de parar de girar

na velocidade que corre o mundo,

encher o peito de ar

desencher o peito desse mesmo ar,

e achar isso suficiente.

 

A correria de tanto sermos

e querermos ser,

a distância longa entre ambos

e esta verdade que dói.

 

Somos um animal cheio de perguntas

e com respostas pouco claras

sobre o viver

e sobre quem nele manda,

se a razão

ou a paixão.

 

No mar que leva uma a outra

  o mar que separa o pensar e o fazer,

cujas margens não as conheço,

é onde acontece

o que nos acontece

por pensarmos e fazermos.

 

A paixão é efemera

e a razão não existe.

 

O que existe são quereres

e agoras.